Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Dia das amigas...

por Passaporte Açoriano, em 29.01.15

Quem nós queremos à nossa volta é quem nos prestigie, quem nos acompanhe e quem nos perceba. Que goste de nós como somos, e quem por nós tenha intenções de fazer tudo. 

(Tudo e mais um par de botas, por José Paulo do Carmo in Revista Tabu, n.º 411 de 18 de Julho de 2014)

Contextualização: aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Dia dos Amigos...

por Passaporte Açoriano, em 22.01.15

As quatro quintas-feiras, antes do Carnaval, são de festa para os Açorianos. Estes festejos começam com o Dia dos Amigos, passa para o Dia das Amigas, segue-se o Dia dos Compadres e termina com o Dia das Comadres

 

Calcula-se que esta tradição tenha cerca de 100 anos. Nas várias freguesias de cada ilha do Arquipélago dos Açores as pessoas reuniam-se às quintas-feiras, conhecidas como noites de serões, para escolher o trigo e outros cereais que seriam utilizados nas comemorações do Divino Espírito Santo. Durante a noite eram declamadas poesias e cantigas que exaltavam a amizade.

Com o passar dos anos, a tradição manteve-se, mas o objectivo evoluiu ao sabor das vontades e a acompanhar os novos tempos.

 

As quintas-feiras festivas iniciam-se com o Dia de Amigos. Dita a tradição que, a primeira quinta-feira, das quatro que antecedem o Carnaval está guardada para um bom “serão” entre homens.
Um amigo convida outro amigo, que traz mais um e outro ainda. Um grupo junta-se a outro e por vezes os grupos ficam tão alargados que se juntam pessoas que nem se conhecem. Jantam, bebem, divertem-se. Os restaurantes, bares de strip e discotecas enchem-se de homens que aproveitam para, nesse dia, fortalecer laços de amizade, sempre acompanhados de muita comida e bebida.


Na próxima quinta-feira as mulheres “vingam-se” dos homens. No Dia das Amigas, os homens ficam em casa e as mulheres saem para jantar, para festejar o valor da amizade de forma alegre diferente.

Em meios de maior abertura e descontracção, o jantar é muitas vezes acompanhado por demonstrações de acessórios e brinquedos eróticos, objectos estes que surgem entre muitos risos e gargalhadas. Após a refeição e muita risada, alguns grupos vão até aos bares, em que por vezes, é possível encontrar shows de strip e onde o álcool ajuda a esconder a vergonha. Homens, nesta noite só os stripers. 

 

O Dias dos Compadres e o Dia das Comadres são bem mais tranquilos. Normalmente, são festejados em família sem tanta algazarra.

 

As comemorações tem ganho de ano para ano cada vez mais adeptos e dinamismo, mas prevalece sempre um dado curioso e "singular": a separação dos sexos e dos géneros.

 

Resta-me desejar um bom Dia de Amigos a todos os meus amigos...

 

Fontes:

http://noticias.sapo.pt/infolocal/artigo/1216719

http://myguide.iol.pt/profiles/blogs/cultura-dia-dos-amigos-uma

http://www.jornalacores9.net/opiniao/dia-de-amigos/

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados